LEMBRE-SE

Se tem uma coisa boa na diferença de fuso, é acordar todos os dias com uma mensagem querida do meu namorado quando estamos separados. Na manhã de 29 de novembro, não foi diferente: quando tocou o despertador, lá estava o “bom dia” cheio de beijinhos, além dos comentários sobre a situação atual do nosso Inter – o futebol é uma constante na nossa relação. O detalhe é que tinha algo a mais, algo que meus olhos ainda meio fechados não entenderam muito bem, um tal de “crash”.

Fui pesquisar. Não que tenha precisado muito, logo surgiram várias mensagens e compartilhamentos no facebook sobre a queda do avião da Chapecoense, relatando a morte da maioria da delegação que ia à Colombia disputar – pela primeira vez – uma final internacional. Fiquei muito sensibilizada, chorei ouvindo as notícias. O Brasil inteiro chorou.

Vi muitos vídeos dos jogadores comemorando a vitória na semi-final, da alegria deles no avião pré-decolagem, li as histórias de cada um. Dentre aqueles vídeos, estava um jogador que havia acabado de descobrir que seria pai – não havia nem uma semana que o tinha publicado. A felicidade dele! Me dei conta da fugacidade da vida e de como a gente PRECISA investir nela, principalmente no que é significativo pra gente.

Nada pode tornar a recente tragédia menos terrível, o acidente da Chapecoense deixa uma cicatriz eterna, uma marca incurável nos corações das famílias das vítimas e dos sobreviventes, do clube, da cidade e de todos nós que choramos junto. Mas, mesmo com toda a dor, consegui encontrar um pequeno conforto ao ver os sorrisos estampados nos rostos dos heróis que se foram orgulhosos de seus feitos. 

São tragédias assim que trazem pra gente a lembrança do que mais importa e os questionamentos dos caminhos que estamos seguindo. Me senti grata por estar perfeitamente colocada no meu trajeto torto, por conseguir ir atrás dos meus sonhos, por estar vivendo conforme aquilo que acredito – mesmo quando as coisas não dão muito certo. Não deixe de fazer, só te digo isso. Que se dane o medo, que se exploda as vergonhas, a preguiça. A vida está acontecendo agora e, por pior que o cenário possa parecer, tudo fica muito melhor quando se tem a certeza de viver a vida que se acredita valer. E esses caras fizeram isso, nos deixaram com muita garra e amor, lutando pelo que fazia o coração pulsar. Nossos eternos aplausos e admiração aos heróis da Chapecoense. #ForçaChape

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s